arthur torelly franco

música e cultura

Cativado pela música clássica desde a infância, Arthur Torelly Franco soube encontrar espaço na sua agenda de homem de negócios, para a ela dedicar parte de seu tempo. O amor pela música o fez viajar para Viena, Praga, Budapeste, Berlim, São Petersburgo, Munique, Barcelona e Nova Iorque, entre tantas cidades, tornando-se frequentador assíduo das casas de ópera e salas de concerto dessas metrópoles. Desde 1988 se dedica ao estudo da vida e obra de Richard Wagner, possuindo hoje um dos maiores acervos bibliográficos do Brasil sobre o controvertido gênio da ópera alemã.
A partir de fevereiro de 2002, deu início à publicação da coluna Adágio, inicialmente nas edições dominicais do jornal Correio do Povo. Em setembro de 2002, a coluna passou a ter frequência semanal na Revista Digital (www.revistadigital.com.br), da ONG Pólo RS.
Foi palestrante convidado para abrir recitais sobre canções de Wagner no Centro Municipal de Cultura de São Paulo, no Teatro do Instituto Goethe e no foyer do Theatro São Pedro.